De real? Príncipes não existem…

A vida é meio injusta mesmo viu?? Amanhã, quando eu pensar em me levantar da cama quentinha nesta chuva que cai na terra dos Caetés, pelo cronograma da realeza, os convidados para a o casamento do ANO estarão chegando na abadia. E aí, quando a cerimônia religiosa começar, eu estarei linda, loira e mau-humorada, começando a trabalhar… ¬¬ Tá, tudo bem que já era querer demais ter sido convidada para o casório né? Mas nem poder assistí-lo ao vivo???  A pessoa cresceu acreditando em príncipes encantados (ok, ok, tem um tempão que sei que eles não existem!) e quando tem a chance de assistir o casamento de um principe com uma mulher da minha idade (oi?), com uma vida moderninha igual a minha (oi?), elegantérrima como eu (oi? Oi? Oi?), não pode, porque é uma assalariada-escravizada e fudida de contas pra pagar! Faça-me o favor…

Mas beleza, tô tentando me contentar com o Fantástico domingo, com zilhões de cenas que com certeza terá e com algum outro programa da SKY que tenho (já contei, né?) que comtodacerteza.com.br também terá!

..

E por falar em contos de fadas… Eu bem que poderia ter pensado que acreditaria que haveria uma possibilidade de poder viver um, mas não, não é coisa fácil para uma pessoa difícil como eu.  Imagina! Quando eu beijasse o príncipe na cerimônia religiosa em alguma abadia aí, era capaz dele virar um crocodilo (porque príncipe virar sapo é coisa do passado vamucumbiná!). Daí que eu comecei a exercer o STEPS Mental-Sentimental. E ele funciona assim, você pega a letra de uma música e cada parágrafo dela é um passo. A minha música é Te Ver do Skank. E pra quem interessar possa, ainda estou na fase/passo 1…

Update: Quando eu escrevi este post aqui, tinha plena consciência que o título era apropriado porque era o que EU tinha em mente: nada de envolvimentos, Daniella! Mas como sempre, minha cabeça anda descompassada do coração… E, pra não entrar pelo cano digo e repito: não me apaixonei, só estou sentindo no fundo do meu ser que posso ficar e para tanto, resolvi cortar o mal pela raiz, tipo assim, zapt, sái, xô, não quero mais, não me ligue que não atenderei (oi?), não vou te ligar mais (oi?)

Anúncios

2 comentários sobre “De real? Príncipes não existem…

  1. amiga, se lhe serve de consolo eu tb, nao vou assistir o casamento do príncipe ta? e tbm protesto pq vc nao comentou meu comentário no face sobre a parte da musica…unfffff!!! bjao!!!

    Dani diz: Mas eu assisti ela entrando. Lindaaaaa!!! Aff… E quanto eu não ter comentado no FB, eu comentei hoje. Sorry!!!
    Bju

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s